terça-feira, 24 de junho de 2014

Liberdade e Ordem: a volubilidade do entendimento

"Mas então, a democracia das liberdades e da justiça social não abunda em méritos e resistências para continuar a resistir aos ataques dos seus inimigos? Confio inteiramente que sim. Mas venho advertindo os demasiado confiantes de que, no dia em que a ordem valer social e dialecticamente mais do que a liberdade - pelo recuo daquela e o abuso desta - os mesmos que se bateram pela liberdade bater-se-ão pelo regresso a soluções autoritárias".

Almeida Santos
Conferência Parlamentar
"A revisão do Código de Processo Penal"
7 de Maio de 1997
Enviar um comentário