segunda-feira, 5 de outubro de 2015

A DESCONSIDERAÇÃO DO HUMANO NO PROCESSO PENAL INQUISITIVO

A DESCONSIDERAÇÃO HUMANA NO
PROCESSO PENAL INQUISITIVO
por Fauzi Hassan Choukr - 02/10/2015 
Uma das mais acentuadas características do sistema inquisitivo no processo penal é 
a desconsideração – ou, no mínimo, o rebaixamento – da condição humana da 
pessoa submetida ao poder punitivo, o que se dá a partir de um conjunto de 
regras e técnicas[1]próprias àqueles contornos. São, pois, caminhos teóricos 
e práticos que, longe de traduzirem opções “neutras” ou “objetivas” de 
quem os percorre, alcançam finalidades previamente constituídas ao 
mundo do Direito, e são concretizadas por atores jurídicos com 
ou sem consciência do papel que exercem.[2]

CONTINUAR A LER EM  CANAL CIÊNCIAS CRIMINAIS 
Enviar um comentário